O CRÁPULA REDIMIDO

O SESI de São José dos Campos nos presenteou nos dia 4 e 5 desse Setembro com a peça “O CRÁPULA  REDIMIDO”, uma tragicomédia sensacional.

A peça mostra que é possível fazer “humor inteligente” na língua que o público entende (me refiro a nós o público de cultura  televisiva, cinematográfica e internética).

Não é um espetáculo de grupo ou de diretor e sim, um espetáculo de “estrela”: a estrela, o protagonista, é quem assina o texto, a direção e a produção.

A estrela é Leonardo Cortez, irmão do Rafael Cortez do CQC.

Leonardo é uma fera! A fera que o seu nome faz lembrar, o Leão; e tudo o que nos vem a mente quando pensamos em um Leão tem a ver com ele : Felino, Juba, macho alfa, agressivo, dominador.

Felino: ele é um gato, lindo!

Juba: tem um cabelo bonito na altura do pescoço

Macho alfa: tem muito sex appeal

Agressivo: em sua maneira de interpretar (ele dá tudo de si em cena)

Dominador: ele domina a cena e a platéia com sua presença de palco forte e magnetismo surpreendente.

Fora de cena ele é super simpático e ainda mais sexy e atraente, transpira testosterona (deve ser testosterona mesmo o que ele transpira porque quando eu o abraçei após o espetáculo estava cheiroso mesmo tendo transpirado horrores durante toda a apresentação!)

Bom, voltando a peça; assista! Você vai rir, chocar-se, enojar-se e refletir…vai sair do teatro de alma lavada! Só não se assuste se dessa lavagem sair um caldo escuro e espesso de sujeira (o texto mostra toda a sujeira do homem moderno).

Anúncios

Os comentários estão fechados.