COMO SER BOA DE CAMA

Existe um antigo ditado que diz que a mulher ideal deve ter três qualidades: deve ser ao mesmo tempo a “Amélia” no fogão, a “Dama” na sociedade e a “Puta” na cama.
Na sociedade atual os papéis de “Amélia” e de “Dama”, não são mais necessários, então a mulher ideal só precisa ser a “Puta na cama” o que significa ser “Boa de Cama”. O que significa ser “Boa de cama”? Significa “fazer de tudo na cama” e “fazer de tudo” significa “fazer tudo aquilo que os homens gostam”.
Segundo a nossa sociedade ser “Boa de cama” garante felicidade nos relacionamentos amorosos, a fidelidade dos maridos, autoestima elevada, saúde e  boas oportunidades de crescimento profissional.

Sendo assim grande parte das mulheres correm atrás dos ensinamentos das revistas, dos livros, das palestras, dos cursos de “artes sensuais”, de aulas de “pole dancing”…etc. Tudo em busca de se tornar uma mulher “boa de cama”.
O curioso é que mesmo com as mulheres se liberando cada vez mais, se libertando dos velhos tabus e conhecendo melhor o próprio corpo, o número de mulheres que não conseguem atingir o orgasmo ou nunca tiveram um, não diminui.
Mas o assunto aqui é o seguinte: nessa dura tarefa de se tornar uma mulher “Boa de cama”, grande parte de nós mulheres nos submetemos a fazer coisas das quais nós não gostamos somente para satisfazer os homens.

Agora eu vou fazer como o Mister M fez com o código de mágica, vou quebrar o “women code” e listar as coisas que grande parte de nós mulheres nos vemos obrigadas a fazer para agradarmos aos homens e sermos consideradas “boas de cama”. Vou da mais leve, ou seja, da mais tolerável, à mais ruim de fazer.

Vamos lá!

1 SEXO ORAL – cospe ou engole?
Sexo oral é algo do qual não dá pra fugir. Desde os primórdios da história da humanidade, nós mulheres, por mais que não gostemos, somos OBRIGADAS a fazer isso. Muitas pessoas acreditam que OBRIGAR é fazer uma pessoa fazer algo na base da violência e agressividade, mas não é isso. Existem várias formas de obrigar uma pessoa a fazer algo que ela não quer fazer porque não gosta de fazer e no que diz respeito a sexo entre homens e mulheres a chantagem emocional é a arma mais usada pelos homens.

Eles dizem: “Eu fiz tudo o que você queria, faz isso pra mim agora…” ou “Eu gosto. Você não me ama? Então, faça pra mim o que eu gosto…” e etc, etc.
Quando a mulher se recusa geralmente se escuta: “Você não gosta de sexo!” ou “Vou procurar na rua, não tenho em casa!”…Nem se iluda, ele vai procurar na rua mesmo que tenha em casa.

Geralmente homens que não gostam de se mexer, preguiçosos, terminam achando o sexo oral mais prazeroso que a penetração afinal, ele não têm que fazer nada. Estes juntamente com os pervertidos viciados em pornografia são os que mais costumam obrigar a parceira a engolir o esperma…é, tudo o que é ruim pode sempre ficar pior.
Existe ainda o prazer de dominar; certos homens quanto mais percebem que a mulher não gosta,  mais insistem na coisa.
Uma curiosidade é que geralmente os mais fissurados nisso, são justamente aqueles que não fazem isso nas mulheres. E o pior de tudo é que admitem com todas as letras que não gostam, que sentem nojo.

Mas nós não temos o direito de sentir nojo que somos rotuladas como “fresca”, “puritana”, “santinha”, “preconceituosa”… etc.
It’s a mans world, esse é o mundo em que vivemos.
Mas a coisa pode ser prazerosa quando se está muito apaixonada pelo sujeito e/ou com o uso de camisinhas com sabor (e também aquele tipo de gel comestível que se vende em sex shop).

2 SEXO ANAL – prazer doloroso

Essa é outra coisa que desde o começo dos tempos nós somos obrigadas a fazer. Durante séculos foi usada como método contraceptivo (ainda é, até hoje, em países atrasados). E essa não tem jeito mesmo, somos obrigadas a fazer nem que seja uma única vez na vida. Porque senão vamos receber todos aqueles rótulos citados anteriormente e ouvir o clássico “Você não gosta de sexo…vou procurar na rua o que não tenho em casa!”
Mas a verdade tem que ser dita: a coisa pode ser prazerosa quando se está muito excitada, se posiciona do jeito mais confortável, usa-se lubrificante e o homem faz do jeito certo. Muitos homens acham que o “jeito certo” é ficar mexendo no clitóris enquanto penetra como se isso servisse como anestesia para a dor e por causa disso às vezes terminam machucando o clitóris também.
O número de mulheres que fazem cirurgia de hemorroidas é bem maior do que o de homens; os médicos costumam dizer que se deve ao fato de que as mulheres são quem mais sofrem do mal da prisão de ventre. O curioso é que ninguém diz que mulheres podem passar a ter o intestino preguiçoso porque sofrem dores na hora da evacuação justamente por causa das hemorroidas que foram causadas pelo sexo anal. Uma coisa leva à outra e vice-versa.
Lembrando também que o sexo anal é o mais eficiente meio de se contrair o vírus HIV.
Mas essa prática é indispensável, tem que constar no currículo da mulher “boa de cama”.

3 FIO TERRA – Como diz a música do cantor Falcão: “porque homem é homem/ menino é menino/ macaco é macaco/ e veado é…”

Essa é complicada, sempre surge na mente a pergunta: “Será que ele não é veado enrustido?”
Segundo as prostitutas, a maior parte dos homens casados que procuram os serviços delas exigem isso (alegando, é claro, que as esposas não fazem).
Os especialistas dizem que o ponto G do homem é a próstata, e que só se chega perto dela pelo anus…enfim, fica o dilema: fazer ou deixar o “serviço sujo” com as prostitutas?
Como são mestres na arte da coação, os homens costumam apelar para a psicologia afim de conseguir ganhar o “agradinho” dizendo: “Você não gosta quando eu faço em você? Então, eu também gosto…”

No que diz respeito a isso ainda muitas mulheres têm coragem de dizer não.

4 SEXO À TRÊS – uma “outra” no meio da coisa

Dizem que a principal fantasia sexual de todos os homens é transar com duas mulheres ao mesmo tempo.
Para grande parte de nós mulheres, isso é horrível e inaceitável, pelas seguintes razões:
1- A ideia de ser tocada por outra mulher para uma mulher heterossexual é nojenta, tão asquerosa quanto transar com um animal. (Dane-se se isso for homofobia!)
2- Por causa do ciúme: além de saber, ver que o homem que a gente gosta, gosta de transar com outra mulher é muita coisa pra cabeça.
3- Desconfiança de que o sujeito acha – e talvez sempre tenha achado – que a mulher é lésbica enrustida.
Alguns homens para tentarem convencer a mulher a fazer essa fantasia dizem: “Você não precisa tocar nela, nem deixar ela tocar em você, se não quiser…vocês duas me tocando é o que eu mais quero!”
MENTIRA! Assistam qualquer filme pornô e verão que nas cenas onde rola sexo entre duas mulheres e um homem a maior parte da cena mostra as duas mulheres se esfregando. (ex: numa cena de 30 min, 25min são as duas mulheres no esfrega-esfrega).

Nessa putaria o prato principal para os homens é ver as mulheres se curtindo, de preferência que uma tenha uma atitude dominadora sobre a outra.
Como tudo o que é ruim pode sempre ficar pior; “o pior” é quando o homem pede que a mulher se encarregue de trazer a outra. Para muitas de nós é como se ele dissesse: “Estou enjoado de você, ou você me traz carne fresca ou…” ou então “Você é lésbica, eu sei. Vai logo, divide as suas namoradinhas comigo!”
Isso sem contar quantas de nós ficamos com raiva de todas as nossas amigas imaginando o quanto ele sente desejo por elas.
Existem alguns que propõem sexo com mais outro homem. Em alguns casos algumas de nós podemos até ficar um tanto lisonjeadas por sermos desejadas por dois homens, mas na maioria das vezes ficamos chateadas porque o homem que gostamos não sente ciúmes da gente ou ficamos com medo de na hora H sermos violentadas (vai que os sujeitos se empolgam demais) e também podemos ficar desconfiadas se o sujeito não é gay enrustido e a coisa toda é apenas uma desculpa pra ele poder ter o cara que “ele” deseja perto dele (ou seja, nessa cena a mulher seria mera figurante).

Alguns podem estar perguntando: “Mas e o sexo selvagem, ou violento? MUITAS mulheres aceitam apanhar no sexo.” Bom, esse assunto eu prefiro não comentar, porque vai cair no sadomasoquismo e se for abordar isso vou ter que falar de infantilismo e outros “ismos” que prefiro deixar para os psiquiatras.
Pra finalizar: Até quando nós mulheres vamos continuar satisfazendo todas as vontades dos homens e deixando as nossas de lado? Daqui há uns cem anos a gente responde.

frasedercy

4 pensamentos sobre “COMO SER BOA DE CAMA

  1. Adorei o texto , tudo e verdade mas a maioria das coisas me agradam na cama gosto de fazer sexo oral no meu companheiro me da um prazer louco. O anal pelo fato de eu estar com uma pessoa mega afetuosa e bom tbm , confesso q no começo fiquei com medo mas agora tem vezes q eu peço e ja fiz a três vom mais um homem e foi bem legal meu companreinho nunca me machucou e não deixa ninguém me machucar , resumindo o q aprendi com tudo isso se abrir cpm o parceiro e o ideal fala do q vc gosta e deixa de gosta e fale tbm das suas fantasias vai ser otimo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s