OPINIÃO MASCULINA

Lendo os comentários de um artigo sobre o Dia do Sexo num famoso blog , onde a jornalista sempre aborda o tema sexo visando ajudar as mulheres a terem uma vida sexual melhor, encontrei algo muito interessante: uma opinião masculina sincera, ou seja, um homem que resolveu expor, a verdadeira opinião de grande parte dos homens sobre nós mulheres. Ok, ok, eu sei que muitos outros fazem e já fizeram isso, só que este sujeito fez de uma maneira assustadoramente inteligente, como se fosse mesmo um especialista sobre o comportamento feminino. Não é comum algo escrito por alguém inteligente nessas seções abertas de comentários da internet.

Fiquei impressionada porque existe verdade no que ele escreveu, uma boa parte de nós mulheres, infelizmente, age e pensa como ele descreveu (se é que provavelmente ele possa ter copiado os textos de algum livro ou revista). Isso mostra que o Clube do Bolinha está mais bem informado do que o nosso.

Então vamos ao que ele escreveu:

“A autoestima de uma mulher é definida pela quantidade de machos que a desejam e a perseguem. Necessitam sentirem-se desejadas, razão pela qual incessantemente criam mecanismos para se exporem ao desejo e se esquivarem da fúria dos machos que já conquistaram. Desejam ser perseguidas para que possam repudiar o perseguidor e contar isso a todos, chamando a atenção para o seu poder de fascinar e atrair. São violentamente atingidas no sentimento quando descobrem de modo inequívoco que seus favores sexuais e afetivos são rejeitados. Necessitam pressupor continuamente que serão perseguidas. O macho inacessível torna-se um problema e, simultaneamente, objeto de maiores esforços no sentido de seduzir para submeter. A inacessibilidade desencadeia tentativas de sedução. A fêmea rejeitada sai da inércia e se mobiliza para virar o jogo e se vingar porque foi violentamente atingida no amor próprio.”

“O desejo feminino é duplo: para o sexo ardente e selvagem são escolhidos os cafajestes insensíveis, promíscuos, maus e cruéis; para o casamento são escolhidos os bons, fiéis, honestos e trabalhadores. Logo, a melhor parte é destinada aqueles que não prestam e a pior é destinada aos politicamente corretos. Movidas pelo desejo inconsciente de manter o maior número de machos desejando-a, para criar um clã matriarcal, as fêmeas elaboram sofisticadas estratégias psicológicas para se exporem ao desejo sem serem responsabilizadas. A grosso modo, podemos dividir os machos que procuram em dois tipos: o provedor e o amante. Lutam incessantemente para submeter a todos e quando se deparam com um que não se submete, este se torna um grande problema emocional. Os que se submetem servem para serem provedores e maridos, e os que não se submetem servem para serem amantes, recebendo carinho, amor e sexo de boa qualidade.”

“A FÊMEA FELIZ: ‘Quando fores ao encontro uma mulher, não esqueças o chicote.’(Frederic Nietzsche) As mulheres são seres polares, oscilam entre dois polos, um sublime e um profano. O sublime existe por si só, e dispensa explicações. O profano sim, cavalheiros, é o que mais nos diz respeito. É aquele que nos afeta, nos atormenta, nos vence ou nos derrota – a opção é nossa. É o profano em toda e qualquer mulher, o lado que diz respeito aos homens. É do lado profano feminino que nascem as suas artimanhas, astúcias, seus jogos. Foi um dia conhecido o fato de que o sexo ocupa um lugar prioritário muito mais para o homem do que para a mulher.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s