O QUE FAZ OS HOMENS SE AFASTAREM

Se você anda se sentindo como se estivesse lambuzada de uma espécie de “repelente de homens”, porque seus relacionamentos nunca dão certo, eu separei um trecho do livro “Como deixar os Homens aos seus pés” de Marie Forleo que talvez possa ajudá-la, leia!

Carência, o maior repelente de homens

Quando foi a última vez que você ouviu um cara dizer: “Adivinhe? Eu encontrei essa gostosa carente ontem à noite!”. Provavelmente nunca. Porque ser carente é o maior repelente de homens. Se você acredita que está incompleta e espera que um relacionamento resolva os seus problemas, você está sendo carente. Os homens notam essa carência e irão efetivamente repeli-la.

Aqui estão alguns comportamentos clássicos de carência para identificar:

• Mandar e-mails ou telefonar obsessivamente (especialmente para verificar e saber se “está tudo bem”).

• Verificar a sua caixa de mensagens e de e-mails compulsivamente.

• Dizer a um homem que “você precisa dele para ser feliz” ou que “ele a faz tão feliz”.

• Dizer incessantemente “fiquei com saudades…”.

• Perguntar toda hora onde ele está e o que está fazendo.

• Ter “acessos de raiva” silenciosos ou não quando ele não lhe dá total atenção.

• Desejar insaciavelmente que ele aprove como você está vestida e o que está fazendo.

A carência vem do desespero e é um grande balde de água fria. Esse hábito transcende o comportamento e também é energicamente transmitido como ondas de rádio que os homens ouvem em alto e bom tom. Então, mesmo que você evite ligar de forma obsessiva ou fique verificando seu e-mail compulsivamente e finja que está controlada, ele sentirá a sua verdadeira energia desesperada e irá pular fora.

Outro ponto importante é que essa carência pressiona bastante um homem. Ele sentirá uma exigência constante para ter um bom desempenho perante você, ser perfeito, ou corresponder ao seu modelo idealizado dele, ou seja lá o que for. Se ele comete um “erro”, não apenas terá de lidar com as suas próprias consequências, mas irá sentir-se responsável pela sua felicidade também.

Além disso, quando você tem a falsa ideia de que precisa dele para ser feliz ou fala para ele várias vezes que ele a faz feliz, você desperdiça todo o seu poder. Seu bem-estar está constantemente à mercê de outra pessoa. Você fica menos poderosa, e uma mulher sem poder, minha querida, é qualquer coisa menos irresistível.

 

Insegurança constante

“Eu pareço gorda com essa roupa?”

“Você ainda me ama?”

“Você acha que ela é mais bonita do que eu?”

“Eu sou bastante atraente para você?”

A insegurança constante deixa os homens furiosos e alimenta a ilusão do seu ego de que você é deficiente em alguma coisa e “menos que” alguma coisa. Quando você acolhe os pensamentos de insegurança, você cava um buraco sem fundo que nunca pode ser preenchido, independentemente de quantas promessas receba. Isso acontece porque a ideia de que você é “menos que” é falsa. Ela é uma ilusão. Uma ilusão nunca pode ser eliminada porque, antes de tudo, não é algo real.

Insegurança e falta de confiança pertencem ao conjunto humano natural de emoções e nunca desaparecerão completamente. Tenha certeza que todo mundo no planeta tem sentimentos de “Eu não sou boa o suficiente” aqui e ali. A chave para ser irresistível não é favorecer ou impedir que esses pensamentos surjam. Não resista a eles também! Simplesmente permita-se notar ou observar aqueles sentimentos e dizer “Hum… não é interessante?”, ou, melhor ainda, “Estou pensando naquilo de novo… e daí?” e redirecione a sua atenção para o exterior. Quando surgirem sentimentos de insegurança, permita-lhes simplesmente passar pela sua mente como nuvens flutuando pelo céu.

Não bloquear pensamentos inseguros é uma habilidade que pode ser aprendida e sem dúvida uma obrigação, se você quer ser irresistível. É como se você pudesse tanto investir em sua falta de confiança como na sua irresistibilidade. Eu sugiro a última.

Aqui está uma dica: se você acha que aparenta estar gorda quando usa determinada roupa, provavelmente você está mesmo. Eu sei que parece cruel, mas é verdade. Nem todas as roupas foram feitas para todos os tipos de corpo. Prefira roupas em que você sabe que fica fantástica e que ressaltem seus atributos. Abra o guarda-roupa com uma amiga de confiança e elimine as roupas que fazem você se perguntar: “Eu pareço gorda?”.

Aqui está outro ponto importante. Não importa o quão magra, bem-sucedida ou atraente você seja, a insegurança não desaparece. Isso acontece porque você nunca consegue discernir um falso pensamento interno de uma realidade externa. É como tratar o sintoma em vez de curar uma doença. O modo de curar a doença da insegurança é se permitir sentir-se insegura (em outras palavras, não resistir a ela).

Mas também não insista nela. Em vez disso, direcione a sua atenção para o que está acontecendo ao seu redor. O que pode significar ouvir uma conversa até o fim, ou tomar uma atitude de organizar a sua mesa. Onde quer que você concentre a sua atenção, a energia flui. Se você simplesmente notar pensamentos de insegurança sem tomá-los como pessoais ou fazer com que eles adquiram algum significado, verá que eles ocorrerão com menor frequência. Você também fortalecerá a sua habilidade de permanecer presente e comprometida em sua vida – que é a chave para libertar a sua autêntica irresistibilidade.

Para ser honesta, a maioria de nossos pensamentos é pura tagarelice mesmo (sim, é um termo científico). Nada tem sentido, além daquele que atribuímos. Com a prática, podemos treinar para não levar nossos pensamentos tão a sério ou para o lado pessoal – especialmente os que não são estimulantes. Quando eles aparecerem, simplesmente diga “Obrigada por me avisar”, e siga a sua vida.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s